Celso Custodio
Na vida tudo é difícil, mas difícil mesmo é ser perfeito.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

MISTÉRIOS DAS MATAS
Tira essa faca do peito
Que lhe arranque a alma
Ponha no copo um desejo
Que lhe satisfaça
Pense nas coisas bonita
Tão linda da vida
Maracatu! Maracatu!
Maracatu Eh! Ô

Chora um caboco doído
Doente da mata
Suspira esse cheiro de erva
Desmancha estas chagas
Ruge os tambores que falam
Os mistérios das matas
Maracatu! Maracatu!
Maracatu! Eh! Ô

Lava teu corpo e banha
No rio das almas
Cinja teu lombo e trava
Tua língua e não fala
Escuta os desejos e mistérios
Do senhor da mata
Maracatu! Maracatu!
Maracatu! Eh! Ô
Celso Custódio
Enviado por Celso Custódio em 27/04/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (celso custodio www.recantodasletras.br/autores/celsocustodio). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras