Celso Custodio
Na vida tudo é difícil, mas difícil mesmo é ser perfeito.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


DÚVIDAS

Vai passando muita gente
Vai passando multidões
Vão levar notícias boas
Trazendo recordações
Da má situação (bis)
Pedro pensa no pedreiro
Arrebentando a mão
Vira massa bem ligeiro
Vem fazer a construção
Da má compreensão (bis)
Sete palmos de enxadas
Sete buracos no chão
Sete minas reluzentes
Do Rei Nobre Salomão
Taí a inflação (bis)
Fio novo de aranha
Quando tece vai ao chão
Quem já viu filho de bezerro
Berrando sem tem razão
Da politização (bis)
Violetas colorindo
Sanhaço e o Colibri
Vem trazendo a natureza
Um gosto, gosto de ti
Amor, eu vou partir (bis)
Celso Custódio
Enviado por Celso Custódio em 24/04/2017
Alterado em 22/08/2019
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras