Celso Custodio
Na vida tudo é difícil, mas difícil mesmo é ser perfeito.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

DE LEVE
Sombra, comida e
Água fresca
Talvez o dia anoiteça
E a solidão desperta
Em sol
E eu tocando em
Mi bemol
Até o mundo vai falar
Por nós
A gente não está ficando
A sós
Foi só um toque de mãos
Que ficou
E aquele abraço apertado
E um beijo gelado
Que você beijou
De leve
Fazendo amor
Tão breve
Se apaixonou
Não me faça despertar
Não é sonho!
Também faz parte da
Vida os planos
Sabiá ouvir
Teu canto vou
Lembrar
E te amar como as águas
Invadindo o mar
De leve
Fazendo amor
Tão breve
Se apaixonou
Celso Custódio
Enviado por Celso Custódio em 21/04/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (celso custodio www.recantodasletras.br/autores/celsocustodio). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras