Celso Custodio
Na vida tudo é difícil, mas difícil mesmo é ser perfeito.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


VERDADE CRUA

É o samba nasce quando
A gente quer
É no gingado de toda
Mulher
É alegria do povo
Na rua
Está estampada na verdade
Crua
Não se intimida no despontar
Da lua
Não se ofende no despontar
Do sol
Deixa a cidade ferver
Quero ficar com você
Isola toda solidão,
Há vaga no meu coração
Se a tristeza é feliz
Qual a razão do sofrer ?
Como o ditado diz:
Quem não serve , não nasceu
Pra viver.
A madrugada beijava o chão
Na estrada eu estava feliz
O dia alvorada surgia e
Cantarolava um samba de
Raiz
Esse amor é tão louco e pago
Tão pouco pra se aborrecer
A vida parece tão curta
Que nessa disputa entre mim
E você
É ciúmes demais, vou voltar
Atrás
Sim, vou me redimir ouvir a
Voz do meu silêncio no teu jardim
É sufoca assim, tens sentimentos
Ruins
Sempre de baixo astral
Nega um carinho e um abraço
E faz cara de mal
Já falei pra você a vida vai
Ensinar
Saber jogar ou perder
Sorrir e não se lamentar
Quando você me ouvir
Não quero te ver chorar
Forte é a dor do partir
Ter forças pra continuar
Celso Custódio
Enviado por Celso Custódio em 18/04/2017
Alterado em 22/08/2019
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras