Celso Custodio
Na vida tudo é difícil, mas difícil mesmo é ser perfeito.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

SENTIMENTO
Viver não tenho outra saída
Morrer, apagar desfazendo
A vida
Se trago no coração uma das grandes
Paixões, viver é matar a saudade
Esquecer que foi tudo ilusão
Triste quando traz no peito
As mágoas de um amor
Desfeito
Semente plantado no tempo,
Deixar ser levada no vento
Se você assim permitir,
Eu volto o meu peito a ferir
Ferida de amor não se cura
Enquanto a paixão for loucura
Amar até que a morte separe
Juntar fazer duas de uma só carne
A recompensa virá, como as ondas
Do mar, e o sofrimento depois
Não mais se prevalecerá
E a razão do que foi unirá
Com o elo os dois
A vida se fará sentido
Perdoado será o castigo
Celso Custódio
Enviado por Celso Custódio em 17/04/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (celso custodio www.recantodasletras.br/autores/celsocustodio). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras