Celso Custodio
Na vida tudo é difícil, mas difícil mesmo é ser perfeito.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

LAÇO DE AMOR
Se você quer tirar-me
Do chão
É só dizer que estava
Com a razão
Para afrontar não tem
Caô
Não temos nada nem
Laço de amor
Se todo dia esse agonia
Vai lá ver se estou na esquina!
Não é poderosa!
Está sempre prosa!
Pensar que é a última
Coca-Cola
Mas se fosse beber, não
Daria a você esse grande
Prazer
Trocar a minha predileta por
Simples lazer
Está querendo agora dar
O seu valor
Não teve conversa, quando
Abandonou
Aquele que disse: sempre te
Amaria
É que o mundo dá volta
Dei volta por cima, você já
Não é mais uma menina
Fazendo pirraça e má-criação
Deixa a minha vida andar
Não vem me atrapalhar
Que o sentido do amor
Não é só perfume e flor,
Mas é também união
É toque sem machucar, ginga
De dois corações, olho no olho
No olhar
Celso Custódio
Enviado por Celso Custódio em 16/04/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (celso custodio www.recantodasletras.br/autores/celsocustodio). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras