Celso Custodio
Na vida tudo é difícil, mas difícil mesmo é ser perfeito.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


FALSO BEIJO TRAIDOR

Quando nossos olhares
Encontraram-se
Uma coisa ficou forte
É a verdade que esconde a
Própria sorte
Quando há silêncio entre
As partes
Rompeu profunda amizade,
Mas o destino é forte e
Covarde
Deixei-me envolver por você
Por um sentimento infeliz,
Falso beijo traidor que foi
Lá no seu jardim (bis)
Não venha dizer que errei
Outra vez, nosso passado nos
Aproximou
Como a água que molha a flor
E desce até a raiz, não quero
Saber se vai argumentar, a sua
Atitude foi muito vulgar
Tentei várias vezes dar cabo
De mim, por um amor que você
Já deu fim
Chora bem devagarinho
Chora! como passarinho
Chora! implora fora do seu
Ninho, quer se aconchegar
Quando você fez-me calar
Abrindo a porta e partiu
Parece que o mundo pra mim
Não existiu
Ainda insisti em hesitar na
Força oculta do olhar
Ás vezes a raiva pode dominar
Deixei-me envolver por você...
Celso Custódio
Enviado por Celso Custódio em 15/04/2017
Alterado em 22/08/2019
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras