Celso Custodio
Na vida tudo é difícil, mas difícil mesmo é ser perfeito.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


FLOR DA IDADE

Quando cheguei você
Estava cansada
De me esperar por
Toda madrugada
Mas compensei no calor
do teu corpo
Extasiados ficamos tão
Mortos
Nossa paixão foi uma
Realidade
Bem no começo na
Flor da idade
Quero ficar vovô no
Amor
O tempo perdido você
Demorou, tirar meu atraso
Quero ser feliz fazer o que
Sempre quis, matar minhas
Saudades
Quando brigamos deixamos
Uma porta, assim entreaberta
Para aquele que importa
Olho você bem deitada na
Cama
Ainda chorando diz que me
Ama
O que passou foi mais um
Vendaval, ás vezes tolices
De todos casais
Não apagou nossas chamas
Quero ficar juntinho de
Você
Até minha existência desaparecer
Voltar a Deus de verdade
É você sentir, que a vida foi
Sempre assim falta uma
Metade
Celso Custódio
Enviado por Celso Custódio em 13/04/2017
Alterado em 22/08/2019
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras