Celso Custodio
Na vida tudo é difícil, mas difícil mesmo é ser perfeito.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

AMOR DEMAIS
É na madrugada que
Encontro com você
Na luz dos meus olhos
O teu rosto aparecer
E nessa caminhada minha
Estrada prosseguir
Esconder dentro de ti
As lembranças que ficaram
Em mim
Esse paraíso que a gente
Inventou
Nosso próprio laço que
Você não desatou
Foi uma faísca que acendeu
E incendiou
E nosso destino foi que a vida
Separou-nos
Deixa-me caminhar nas areias
Do mar
Deixe-me contar as aves que
Tem lá
Deixe o mar se abrir a onde
Me tragar
Deixe o anjo vir sobre as águas
Me salvar
Quando estou sozinho sempre
Encontro a minha paz
É nesse silêncio que medito
Amor demais
No meu porta-abrigo que escondo
A minha dor
Como cinza já virou quando
Sinto o teu calor
Esse paraíso que a gente...
Celso Custódio
Enviado por Celso Custódio em 12/04/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (celso custodio www.recantodasletras.br/autores/celsocustodio). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras