Celso Custodio
Na vida tudo é difícil, mas difícil mesmo é ser perfeito.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


A FERA E A BELA

Amor não é verso do
Sofrer, ter alguém sem
Merecer
Despejar seu coração, no
Poço da ilusão
E ver a esperança renascer
Ser criança em teu ser
Quando o novo aparecer
Quando teus olhos em chamas
A vida aqui segue e reclama,
Seu troco não fica barato
Agenda é de longo prazo
Não vejo razão pra você,
Desculpa e desaparecer sem
Deixar um recado
Tocou agora no final seu fone
Na caixa postal
Não quer mais ouvir minha voz
Está tudo acabado entre nós
Preciso saber de você, que isso
É pra valer ou se já foi combinado
Faça o que você sempre quis
Ser Dona do próprio nariz
Fechou pra balanço e não quis
Viveu seu amor disfarçado
Agora quem não quer sou eu
A fera que adormeceu e a bela
Acordou em meus braços
Amor não é escravo pra viver
Sufocar seu bem querer
Despejar seu coração...
Celso Custódio
Enviado por Celso Custódio em 11/04/2017
Alterado em 22/08/2019
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras