Celso Custodio
Na vida tudo é difícil, mas difícil mesmo é ser perfeito.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

VALE DE ILUSÕES
Vale de ilusões deixou marcas
De traições
Quanto vale a dor
De quem não tem o
Dom do perdão
Eu já me calei de fato
Desse mal desembaraço
Deixo as minhas fantasias
Te imaginar no outro dia
Até você está no túnel
Do meu tempo
E buscar você na luz do
Pensamento
E romper as barreiras dos
Ventos
E te acordar nos meus sonhos
Te envolver nos lençóis do
Amor
Não se afastar dos meus planos
Nem desistir porque se acovardou
Era ponto fácil para se falar
Esse nó difícil de alguém desatar
É o amor...
É o amor..
Estamos numa ilha não
Pode gritar
O barco á deriva não vai
Naufragar
É o amor...
É o amor...
Celso Custódio
Enviado por Celso Custódio em 09/04/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (celso custodio www.recantodasletras.br/autores/celsocustodio). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras